Núcleo de Arte inaugura a exposição colectiva “REALCES”

Núcleo de Arte inaugura a exposição colectiva “REALCES”

- in Notícias


Ontem, 12 de agosto, os artistas moçambicanos, Ventura Mulalene Zucula, Datinho Saimone e Teles Khossa, inauguraram a sua exposição colectiva intitulada “Realces”, no Núcleo de Arte, na cidade de Maputo.

A exposição “REALCES” estará patente no Núcleo de Arte até ao dia 1 de setembro e 2022 e traz três artistas de proveniência diferentes, que juntam as suas experiências visuais, através de técnicas como pintura, desenho e colagem, num único projecto sob a assistência de Félix Mula.

Nesta exposição, cada um dos artistas expressa o que o tem vivido nos diferentes espaços por onde passou e se encontra.

Conheça melhor os três artistas a seguir:

Teles Khossa


O artista moçambicano, Teles Khossa, nasceu em Maputo a 7 de Maio de 1986.
É um artista auto didacta multidisciplinar,que iniciou seus estudos na Escola Primária Mista de Chamanculo, actual Lurdes Mutola, em 1993.

Em 1995, Teles Khossa mudou-se para o bairro Maxaquene, onde concluiu o ensino primário na Escola Primária Unidade 25. Em 1998, passou para a Escola Primária do 2º Grau Noroeste 2.

Em 2001, iniciou o ensino secundário na Escola Secundária Noroeste 1 e, em 2008, conheceu Quito Tembe, mentor da Yodine Produções, uma empresa de iluminação cénica onde manejava luzes para teatro, dança, música e artes plásticas.

Teles Khosa já participou em muitas exposições e teve várias distinções, nomeadamente:

  • Kinani – 2008/9/10
  • Aldeia cultural – 2010
  • Festival Internacional de Música – 2009/10
  • Festival de teatro de inverno – 2008/9/10
  • Menção honrosa no concurso de pintura “Com o mar no horizonte” – 2018
  • Segundo lugar no concurso de pintura “Expoéctica” – 2019
  • Expontaneidades (Arte de gema) – 2019
  • African galleries now em parceria com a Artsy – 2021

Datinho Saimone

Datinho Saimone nasceu a 1 de Junho de 1991, no distrito de Chibuto, na província de Gaza.
Começou a interessar-se pela pintura em 2009, quando estudava a 9 classe e iniciou pintando barracas, salões de cabeleireiro, entre outros locais, juntamente com outros artistas.

Ao longo da sua trajectória, Datinho Saimone procurou aprimorar o seu conhecimento teórico na pintura.
.
Em 2014, o artista ingressa no ISArC – Instituto Superior de Artes e Cultura, e participou, pela primeira vez, numa exposição na Bienal das TDM, na modalidade de pintura e, desde então, tem participado em outras exposições com destaque para a selecção para participar na Go go go Art Fair, promovida pela Galeria de Gema, e Colecção Crescente, da Kulungwana, entre outras.

É membro do Núcleo de Arte e professor de Educação Visual na Escola Secundária de Infulene, em Maputo

Ventura Mulalene Zucula Mulalene

Ventura Mulalene Zucula, mais conhecido pelo seu nome artístico Mulalene, é um artista moçambicano nascido em Inhambane, em 1991.

Mulalene iniciou a sua carreira artística em 2009, é formado em Têxteis e pedagogia pela Escola Nacional de Artes Visuais (ENAV) e licenciado em Artes Visuais pelo Instituto Superior de Artes e Cultura (ISArC).

Foi seleccionado para uma formação em curadoria, através do qual resultou em um projecto expositivo colectivo denominado “(re)imaginar a nação – Diálogos Artísticos”, que teve lugar no MUSART- Museu Nacional de Arte, na cidade de Maputo.

Em 2019, foi seleccionado para participar no workshop “where is south” com o escritor e curador independente Simon Njami, que culminou com uma exposição no Museu Nacional de Artes.

Exposições de Mulalene

  • 2022 – Akka Project; Africa Indetities
  • 2022 – Artsy; Africa Galleries Now
  • 2021 – Percursos Confinados – Kulungwana
  • 2020- Viagens sem Fronteiras

Facebook Comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *