Sufaida Moyane e Samuel Nhamatate estreiam a peça teatral “Sobreviventes”

Sufaida Moyane e Samuel Nhamatate estreiam a peça teatral “Sobreviventes”

- in Notícias, Teatro

Hoje, 20 de agosto, às 18:30, os actores moçambicanos, Sufaida Moyane e Samuel Jaime Nhamatate, farão a apresentação da peça teatral intitulada “Sobreviventes“,  que foi criada a partir do texto “Cinzas sobre as mãos” do autor francês, Laurent Gaudé.

A peça teatral “Sobreviventes” será transmitida nas redes sociais do Centro Cultural Franco-Moçambicano, especificamente no Facebook e Youtube.

De acordo com o jornal “O País”, a tradução para a língua portuguesa de Sobreviventes foi feita pelo encenador Victor de Oliveira. A ficha técnica, com efeito, inclui Alfredo Dzimba (iluminação), Eurico Machava (som) e o Centro Cultural Franco-Moçambicano (produção). A filmagem e a edição da peça foram feitas pela MAC Creative Lines.

Sobre os actores

Samuel Nhamatate é actor formado pela Universidade Eduardo Mondlane, membro dos grupos teatrais Ximbitana e Inversos. Bailarino, coordenador e fundador do grupo de canto e dança Nyembeti, coordenador de teatro e dança da Associação Khanyisa e membro do grupo TP50 como actor e bailarino. Participou em várias peças teatrais do grupo teatral Mutumbela Gogo, em Moçambique e no estrangeiro, como actor convidado. Participou em vários espectáculos, festivais de dança e teatro dentro e fora do país.

Sufaida Moyane é uma actriz formada em Teatro pela Escola de Comunicação e Artes (ECA), da Universidade Eduardo Mondlane, onde iniciou sua experiência em Artes Cénicas. Durante a sua formação, para além de trabalhos artísticos realizados na academia, teve experiências como actriz e contadora de estórias para crianças em vários projectos artísticos associados ao teatro, rádio, dança, cinema e literatura. Destacam-se experiências com as companhias Mutumbela Gogo e Mahamba em Moçambique; a participação em festivais e intercâmbios culturais no Brasil, na Alemanha e em França, destacando as participações em “Incêndios” de Wajdi Mouawad e encenação de Victor de Oliveira, “Os Netos de Ngungunyane” da companhia de teatro O Bando (Portugal) e o espectáculo “Identity, a blood romance” com o encenador alemão Jeans Vilela Neumman.

Facebook Comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *