RIVALIDADE, DESPREZO OU ORGULHO ENTRE NOVA E VELHA GERAÇÃO DA MÚSICA MOÇAMBICANA?

RIVALIDADE, DESPREZO OU ORGULHO ENTRE NOVA E VELHA GERAÇÃO DA MÚSICA MOÇAMBICANA?

- in Opinião

Por: Onélio Luís

O que está a acontecer em Moçambique entre a nova e a velha geração da música? No sábado (11), a dupla Tamyris Moiane e Cleyton David esteve na Praça da Independência, em Maputo, por baixo dos 36 graus celsius, a vender o seu primeiro álbum intitulado “Mestres do Amor”.

Através das redes sociais da dupla, acompanhei alguns momentos do decurso do evento, no qual sempre destacaram com postagens de fotos, a presença de diversas figuras públicas da música e do humor, curiosamente apenas da camada jovem.

Não vi nenhuma publicação com destaque da presença  de nenhum “MAZA” da arte no mesmo evento, algo que me criou alguns pontos de questionamento. Será que a dupla omitiu a presença dos colossos e só quis destacar os jovens? Será que os cotas das artes não viram o anúncio da promoção da venda do álbum dos putos? Será que os cotas estavam tão ocupados, que não podiam se fazer à praça para dar pelo menos aquela “forcinha”? Será que não “rendem” com o ritmo dos meninos? Ou há um pouco de orgulho nos mais velhos das artes?

Não é a primeira vez que eu constato um “fenómeno” igual. Há muito que tenho visto a situação se repetir. O que se passa? Será que há um clima “separatista” entre os novos e os velhos artistas? Os cotas não estão contentes com a nova “vaib”? 

Na minha opinião, a presença de artistas da velha geração faria uma grande diferença… Não se esqueçam que é esta juventude da qual vocês se distanciam, que vai segurar o futuro da música moçambicana. A vossa presença serve de combustível para eles, pois eles precisam porque a estrada ainda é longa e vocês conhecem bem.

Vocês, novos artistas, também precisam deixar um pouco o orgulho de lado. O estrelismo excessivo cria ilusões e falta de humildade, e isso pode vos lixar, fazendo-vos perder a oportunidade de aprender um pouco mais dos mais velhos. Eles conhecem muito bem esta estrada, mais que nenhum de vocês que acaba de chegar.

Facebook Comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.