Projectos “Marimba”, “Música Para Todos” e “Banda Desenhada PALOP” apresentados ao 1º Ministro de Portugal

Projectos “Marimba”, “Música Para Todos” e “Banda Desenhada PALOP” apresentados ao 1º Ministro de Portugal

- in Notícias

No dia 1 de setembro, o Primeiro Ministro de Portugal, António Costa, foi apresentado os projectos que se beneficiaram do apoio do PROCULTURA, durante um evento que teve lugar no Camões-Centro Cultural Português, na cidade de Maputo, na presença dos mentores dos 03 projectos já firmados em Moçambique, dentre eles, Paulo Chibanga, Stela Mendonça e Fábio Ribeiro.

De acordo com o comunicado de imprensa enviado à Moz Entretenimento, o programa PROCULTURA é financiado pela União Europeia, co-financiado e gerido pelo Instituto Camões e implementado nos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa, desde 2019, contribui nas mudanças económicas locais, potenciando rendimentos no sector e combinando a transformação do sector às dinâmicas de desenvolvimento do emprego e inclusão. Moçambique beneficiou de 41 por cento do valor total financiado, foram propostos 11 projectos dos quais 03 já financiados, “Marimba” de Paulo Chibanga, que tem a componente de promoção musical local dentro e fora de Moçambique, em parceria com a Escola de Comunicação e Artes da UEM e outros. 

Por sua vez, o projecto “Música Para Todos”, gerido pela soprano operística Stela Mendonça, tem como foco fortalecer as relações bilaterais entre os dois países no âmbito da cultura, reduzir a desigualdade da formação e oportunidades regionais em moçambique e do género, com duração de 27 meses, os resultados esperados são a criação de postos de trabalhos, formação de professores de músicos, oportunidades aos professores existentes para troca de experiências e a criação de uma nova escola em Pemba. 

Por outro lado, a “Banda Desenhada PALOP”, que esteve representada por Fábio Ribeiro, é um movimento catalisador da cadeia de valor da banda desenhada de Moçambique, Angola e Cabo Verde, com extensão futura para Brasil e Portugal. Pretende fomentar e dinamizar e consolidar o interesse da leitura da banda desenhada, com objectivo de gerar emprego a partir da banda desenhada e conexa e promover a literacia de narrativas visuais. Tem como principal atractivo, oferecer uma bolsa de estudo.

Resultados esperados do PROCULTURA entre os governos

Para Etelvina Materula, Ministra da Cultura e Turismo, o PROCULTURA muito bem apresentado através dos projectos subvencionados em Moçambique,  “permite o intercâmbio cultural dos povos, contribui para o desenvolvimento do sector cultural, os projectos com carácter de formação são bem patentes nas nossas vidas, o PROCULTURA não benéfica a singulares como podemos observar, abrange mais de 5.000 pessoas, estes projectos aproximam os povos e a África e, hoje testemunhamos o seu desenvolvimento.`”

 

Facebook Comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *