Festival “Amor a Camisola” regressa ao circuíto Hip Hop

Festival “Amor a Camisola” regressa ao circuíto Hip Hop

- in Eventos, Notícias
0

Está de volta o Festival Amor a Camisola, evento que faz do Hip Hop um mecanismo de transformação social através de concertos, debates e oficinas. O festival que corre para a sua edição abre uma fase relevante para a história do movimento Hip Hop em Moçambique, oferecendo ao público um programa que procura incluir diversas audiências e ampliando a utilidade das artes, sobretudo do rap e do Hip Hop em geral, na vida do país.

Para esta terceira edição o Festival Amor a Camisola convidou dois monstros do Hip Hop internacional; Pharoahe Monch e Skyzoo dos Estados Unidos da América. Da África do Sul um artista amigo de moçambique e do rap nacional – DJ Kenzhero – que tem estado em constante colaboração com Simba Sitoi, o director do Festival Amor a Camisola. Como é já habitual, Moçambique estará em grande nesta 3ª Edição do Festival Amor a Camisola com os fantásticos Shackal, Olho Vivo, Iveth e muitos outros.

Os concertos terão como palco a rua do Cine Teatro Gilberto Mendes (Teatro Gungu), no dia 28 de Abril, a partir das 21:30. Mas a nossa programação não pára por aqui, temos sessões de debate e partilha de experiências.

No dia 23 de Abril, a partir das 10horas, terá lugar no Centro Cultural Franco-Moçambicano, um workshop subordinado ao tema “Identidade Moçambicana VS Hip Hop que terá como oradores Wacy Zacarias, Daniela Mondlane e Charlie Brown.  Achamos que o hip hop continua a influenciar o mundo da moda um pouco por todo lado. Mas interessa-nos compreender algumas zonas de penumbra entre esta tendência e a identidade local. Este é um workshop dedicado aos jovens estilistas, designers, modelos, criactivos e o público em geral.

No dia 26 de Abril, a partir das 16:30, no Centro Cultural Americano, realizaremos um outro workshop sobre a “A importância do registo das obras artísticas”, a ser proferido por Simba Sitoi.

No dia 30 de Abril o nosso programa de ofcinas vai organizar um encontro com o norte americano Mazzi, um dos executivos da discográfica americana DEF JAM. Mazzi vai falar da gestão internacional das carreiras artísticas, o caso do Hip Hop. Este workshop contará com a presença dos produtores moçambicanos: Paulo Chibanga (Festival AZGO) e Bang (Bang Entretenimento).

Facebook Comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like

Festival de Hip-hop “Pelo meu futuro, eu vou votar”

O Votar Moçambique é um programa desenvolvido por