“Estou curiosa em saber como influenciará o processo criativo”-Eliana N’Zualo

“Estou curiosa em saber como influenciará o processo criativo”-Eliana N’Zualo

- in Notícias

A moçambicana, Eliana N’Zualo, escritora e blogueira, é a vencedora da segunda edição do programa de Residência Literária na cidade de Lisboa (Portugal) organizado pela Câmara Municipal de Lisboa (CML) e o Camões-Centro Cultural Português-Maputo.

Poeta, humana, aspirante a mulher de si mesma, sonhadora e contadora de estórias, é assim que se define e vai a Portugal com tudo, esperando adquirir através da residência novos conhecimentos e desafios, observando que:

“Esta é a primeira residência que faço sozinha, ou seja, não terei outros artistas a passar pelo mesmo processo ou mentores com que possa trocar ideias, impressões. Estou curiosa em saber como isso poderá influenciar o processo criativo.”

A realizar em Setembro/Outubro do ano em curso, a agenda pode sofrer alterações face a luta que o mundo ainda trava à pandemia Covid-19. Perante a situação, N’Zualo mostra-se pronta para tudo “A residência pode acontecer amanhã ou daqui a um ano, a mim o que me interessa é produzir o trabalho.” sineta, depositando toda confiança a organização “Creio que se o Camões alterou a data fez algum tipo de previsão até chegar a Setembro/ Outubro”.

Na bagagem leva consigo, o “Elefante Tendai e os primos Hipopótamos“, obra de estreia (2019) chancelado pela Fundza, e o projecto a desenvolver, deixando espaço nas malas por preencher pelas experiências que da residência resultará.

Facebook Comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *