Mc Roger e as suas lições de Marketing

Mc Roger e as suas lições de Marketing

- in Opinião
0

Quando fiquei  a saber que Mc Roger estaria no segundo seminário de jornalismo cultural, eu disse para mim mesmo “tenho que estar lá”, mas para meu azar o “Patrão” faria parte do segundo painel, que entrava mais ou menos às 16 horas, horas em que tenho aulas na faculdade, mas não hesitei em “mata-las” (a sorte é que fiquei sabendo que o docente não deu mais aulas daquele dia, e meu peso de consciência cessou).

Cheguei no Camões, local que acolhe o evento, na hora certa e não me arrependo de ter participado, pois deu para dar muitas risadas, e aprender muito.

Mc Roger falou um pouco da sua carreira, e nas suas palavras dava para sentir que o homem tem muito conhecimento de marketing, ou pelo menos lê muito. Bom, talvez notei isso por ser estudante de Publicidade e Marketing, porque comecei a lembrar daquilo que tenho estudado nos últimos 3 anos de academia, e confesso que fiquei feliz por ouvir aquilo.

Mc Roger deu algumas lições de marketing que podem ajudar muito os artistas moçambicanos ou que estes deviam conhecer. Farei uma pequena lista a seguir mostrando exemplos dados pelo próprio Mc.

Estratégia de Marketing

Assim como todos produtos e serviços precisam de uma boa estratégia de marketing que vai guiar o seu sucesso no mercado fazendo com que estes sejam comprados ou aderidos, o artista também precisa de uma estratégia de marketing para saber como, quando, e onde lançar uma nova música, um Ep, ou um álbum, para evitar “lançar por lançar” e acabar por “rochar”.

Mc Roger disse que quando entrou no mundo da música “apostou numa estratégia de marketing agressiva”, ele sabia onde estar, como estar, e quando lançar, não é a toa que em todo verão ele lançava um novo trabalho, com 10 anos de carreira já carregava na manga 10 álbuns, muitos hits e muito sucesso. Aliás, até hoje ficamos a espera do Mc lançar uma música para anunciar a chegada do verão.

Posicionamento

Posicionamento é basicamente a forma como queremos ser vistos pelo público ou consumidor, algumas marcas querem ser vistas como símbolos de luxo, ou como acessíveis, da mesma forma os artistas devem ter uma posição, sendo assim todos sabem que não se fala de  “Auto-estima, e patriotismo” sem mencionar Mc Roger, porque ele sempre posicionou-se com um artista com auto-estima e cheio de patriotismo.

Agregar valor

Se o artista não agrega nenhum valor, de certeza que não fará sucesso porque será apenas “mais um” no mercado. O público gosta de artistas que acrescentam alguma coisa na sua vida através das suas músicas, e postura. Os artistas que agregam valor são máquinas de audiência, quando vão à televisão ou a um show todos querem ver-lhes.

E para agregar valor o artista precisa de um diferencial em relação aos outros artistas, Mc Roger disse que quando iniciou a sua carreira já fazia-se música em Moçambique, mas faltava música que fizesse as pessoas dançarem e este foi o segmento dele.

Estas são algumas lições que o Mc Roger deu naquela tarde no Camões, e quando ele terminou a sua intervenção eu e meus colegas saímos da sala felizes, como quem diz “valeu a pena ter ido”.

Facebook Comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like

Oficinas sobre Cultura e Plataformas Digitais em Nampula e Beira

A SóArte Media em parceria com a Associação