Jornalistas da TIM detidos na primeira esquadra por exigirem seus salários

Jornalistas da TIM detidos na primeira esquadra por exigirem seus salários

- in Televisão
0

Os trabalhadores da Televisão Independente de Moçambique (TIM), entre eles jornalistas que há nove meses não recebem os seus salários estão agora detidos na primeira esquadra da Polícia da República de Moçambique (PRM) na cidade de Maputo. São eles: Anilda Manjate, Reinaldo Júlio, Mussagy Ranchande, Mugare Gabriel e Cristôvão Fanheiro.

Há mais de oito meses que a direcção da empresa vem prometendo pagar os salários, mas quando chega o dia combinado há sempre uma nova história. Esta manhã quando os trabalhadores abordaram um dos gestores da empresa, Alfredo Júnior, este mandou chamar a polícia e acabaram todos recolhidos para primeira esquadra onde estão desde às treze horas.

Os gestores da TIM foram colocados numa operação feita por Celso Correia proprietário da televisão, que estrategicamente se afastou da estação que estava a afundar em dívidas e com custos de imagem. Não havendo solução nos salários os trabalhadores deixaram de dialogar com os tais gestores e passaram a dialogar directamente com Celso Correia, que havia prometido pagar os salários no dia 06 de Março. Só que até hoje Celso Correia não pagou e no lugar de dinheiro os trabalhadores foram recolhidos pela polícia. Na primeira esquadra, Paulo Chimene, porta-voz dos trabalhadores disse ao “CanalMoz” que tudo não passa de uma tentativa de intimidar os trabalhadores para desistirem de exigir os seus direitos. Mas prometem luta até ao fim.

Canal Moz

Facebook Comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like

Selma Inocência deixa o programa “Grande Plano” e sai da Stv

A jornalista e apresentadora Selma Inocência surpreendeu o