Grandes artistas que morreram cedo, mas que tinham muito a dar na música moçambicana

Grandes artistas que morreram cedo, mas que tinham muito a dar na música moçambicana

- in Curiosidades
0

Em vida todos nós fazemos algo marcante que possa fazer com que os nossos familiares e amigos lembrem de nós quando partirmos “desta para melhor”, no mundo artístico por exemplo o escritor deixa livros, o pintor deixa quadros, e o músico deixa músicas, em fim, o artista deixa a sua arte.

Neste o Moz Entretenimento vai falar de alguns cantores moçambicanos que ainda tinham muito a dar para a música moçambicana, mas infelizmente partiram cedo e com certeza as suas obras serão eternas.

Veja a seguir:

Richard Suleimane

Richard Suleimane possuia uma grande legião de fãs apaixonados que gostam de “cuidar dos seus parceiros”, o cantor ficou popularmente conhecido com a música “Vou Cuidar de ti” lançado em 2012, no mesmo ano o cantor foi esfaqueado tendo ficado internado no hospital por um tempo, após a recuperação lançou uma música intitulada “Todo meu amor” em forma de agradecimento a todos que o apoiaram naquele momento difícil da sua vida.

Tudo ia bem, era só sucesso, mas quando estava no auge da sua carreira Richard perdeu a vida num acidente de viação aos aos 24 anos de idade no dia  06 de Junho de 2014.

Fat Lara

De certeza que você já ouviu esse nome em músicas de rappers como Flash Enccy, Iveth e Hernani da Silva, mas o que talvez não saiba é que ela partiu muito cedo e duma forma trágica. Fat Lara é uma verdadeira lenda no hip-hop moçambicano, um dos seus sucessos é a musica intitulada “Raciona” que chegou a vencer o prêmio de melhor música no programa “Hip-hop time”.

A rapper Fat Lara perdeu a vida aos 24 anos de idade no dia 8 de Outubro de 2007, vítima de esfaqueamento durante uma tentativa de roubo do seu celular por parte de gatunos algures no Bairro do Jardim.

Jeremias Nguenha

La Famba Bicha, a li fambe…” você já ouviu essa música em algum lugar, ela é da autoria do músico moçambicano Jeremias Nguenha e fez parte do álbum “La famba bicha” lançado em 2001 que contem uma faixa com o mesmo nome. Mesmo cantando em changana, o cantor arrastava multidões com as suas músicas, mas infelizmente Jeremias perdeu a vida cedo, isto em 2007 aos 35 anos de idade.

Tony Django

Antonio Alamo Salomao Jango ou simplesmente Tony Django foi o principal vocalista duma das maiores bandas musicais que Moçambique já teve, Kapa Dêch (k10), que lançaram dois álbuns clássicos nomeadamente “Katchume” em 1998 e “Tsuketani” em 2001. Tony Django perdeu a vida em 2010 aos 37 anos de idade.

Chonyl

Chonyl foi uma das fundadoras do projecto Mabulu ao lado de Chiquito, António Marcos e Lisboa Matavele. Sendo a única mulher da banda, a jovem era corista e interprete, tendo participado em quatro digressões na Europa, escalando entre outros países, a Suíça, Inglaterra, França, Áustria, Alemanha, Polónia, Holanda, Austrália e Portugal. A cantora fez parte do projecto ate 2003, quando decidiu partir para uma carreira a solo. Chonyl faleceu no dia 18 de Setembro de 2007 vítima de doença aos seus 27 anos de idade.

Carlos e Zaida Chongo

A dupla mais badalada de todos os tempos em Moçambique, Carlos e Zaida Chongo eram uma dupla perfeita, casada na musica e no amor. Juntos conquistaram milhões de fãs com as suas musicas que retratavam a realidade da sociedade moçambicana. Zaida começou a carreira como bailarina de Carlos Chongo em 1980 e mais tarde o casal contraiu o matrimonio em 1983, tendo vindo a divorciar-se em 2003.

Um ano depois, a 4 de Junho de 2004 o país perdia umas das mais carismáticas cantoras e bailarinas na sua história, Zaida Faleceu aos 34 anos de idade. Não passou muito tempo e a 2 de Julho de 2005, morria Carlos Chongo, também vítima de doença.

Os artistas que citamos em cima tiveram dois apectos em comum: talento em excesso e todos morreram muito cedo.

(Visited 170 times, 1 visits today)

Facebook Comments

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like

Morreu o músico Pinto da banda Mozpipa

O músico e advogado, Ilídio Macaringue, mais conhecido