Angolano diz que gostaria de ver "Moçambique no mesmo nivel musical com Angola"

Angolano diz que gostaria de ver "Moçambique no mesmo nivel musical com Angola"

- in Geral, Notícias
3

Depois da Neyma afirmar que os Musicos Moçambicanos nao sao unido(O que esta claro) a noticia circulou e chegou ate Angola atravez do nosso portal, de lembrar que no dia 20/12/2014 a neyma fechou em grande o ano 2014 realizando um grande show comemorando os seus 15 anos de carreira, o show contou com varios musicos Moçambicanos. Em torno da Afirmação da Diva da marrabena a moz entretenimento recebeu essa mensagem de um angolano:

Aqui em Angola a musica e bastante valorizada porque os artistas foram muito unidos apesar q nao sao todos, hoje Angola nao e so conhecido como terra de basket mas ja e chamada de terra da musica, a musica Angola hoje toca em qualquer parte do mundo, e o nosso mercado da musica e muito competitivo, temos artistas q fazem grande concertos na europa e americas, hoje quando se trata da musica feito em portgues brasil ja nao esta sozinho tem compania de Angola, resvistas e imprensas de todos os paises retratam da musica e danca angolana, e quase todos os artistas vivem somente da musica, existe pessoas d outros paises a viajatem pra Angola quando um artista vende o seu cd, hoje artistas como: valdemar basto, bonga, ary, heavi c, yola semedo, yola araujo, yuri da cunha, daniel, perola, matias damasio, calo pascoal, zona 5 c4pedro, doutor cupido, paul g, bruna tatiana, kalibrados, sandocam, cabosnoop, dog murras, puto portugues, tatiana durao, puto prata, os vaga banda, kid mc, nga, forca suprema, big nelo, os pilucas, mona nicastro, os lambas, angelo boss, noite e dia,… etc, exstem muitos mas muito mesmo a faserem sucecesso dentro e fora do continente, exemplo disto tudo e o facto da sony music ma da melhores produtoras de musica mundialmente, ter apostado no mercado angolano, antigamente so eram 2 ou 3 a faserem sucesso fora do continente hoje temos mas de 157 e isto ja e muito bom, kizomba e kuduro hoje e feito por europeus americanos… isto tudo foi resultado de uma grande luta (uniao) e eu gostaria imenso q o nosso irmao mozambique estivesse na mesma posicao q angola, seria muito bom para a lingua portuguesa, eu conheco muito pouco da musica mocambicana, mas o pouco q eu conheco e bastante satisfatirio, anos passados nao fonhecia mesmo nada, mas hoje ja conheco puquinho isto quer dizer q cada dia vai evoluir, e tenho a certez q um dia estarao como brasil e angola, a fasr sucesso em todo mundo, ou takvez esarao ainda melhor, Neyma forca, hoje mesmo vou baixar quase todad as sua musica e enviarei pra um primo dj q fara a distribuicao da mesma e eu vou passar mas a ouvir musica de mocambique pra criar um gosto”

Siga o nosso blog e fique bem informado.

Facebook Comments

3 Comments

  1. Ouviu este ditado feio e doloroso: Cabo-Verdiano sabe criar musica, Angolano sabe dancar re-criar musica, e Mocambicano so sabe bater palmas e saltitar.

  2. Sim eu ja ouvi este ditado: Cabo-Verdiano sabe produzir, Angolano sabe dancar, e Mocambicano sabe bater palmas.

  3. Isso é xenofobia, preconceito e descriminação!
    A música faz parte de uma aldeia global por isso nunca se deve criticar os músicos que muito fazem espetáculo no nosso país pois eles não são culpados mas simé a música que os traz no nosso país. Eu sou Angolano e fico bastante triste quando vejo os nossos irmãos a terem taís atitude, com preconceito descriminação e inclusivé de artistas que a gente aqui vê bastante do TRACE TOCA E AFRO MUSIC e até mesmo já se pensa em aplicar uma lei que proíbe artistas estrangeiros, “É TRISTE ISSO E NO COMMENT” isto é um problema de consciência. Se os MOZ continuarem a pensar assim e quiserem se fechar não haverá evolução acreditem na vossa musica!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may also like

O programa “Moçambique em concerto” já está na Tv Sucesso

Realizou-se na tarde de hoje (15), a gala